ÚLTIMO DIA EM NOVA DELI

Ao retornar para Nova Deli resolvi ficar direto no aeroporto, meu vôo era 10h30 do dia seguinte mas, eu realmente não estava com vontade de correr riscos pela cidade já que havia escurecido e dentro do aeroporto eu me sentia segura. O grande problema dos aeroportos na Índia é que você só pode entrar para fazer check-in com até 4h antes de antecedência e passando disso, você não tem o que fazer, ou sai do aeroporto, ou fica em alguns pequenos espaços onde só tem cadeiras e Indianos fedendo a ”CURRY”. Depois de muito custo eu achei um espaço dentro do Terminal 3 chamado Plaza Premium Lounge .Na verdade não era bem um hotel mas, um espaço pequeno para tirar um cochilo, tomar um banho ou relaxar. O preço não era nada barato e você paga por hora. Fiquei com tanto medo de sair do aeroporto que fechei os olhos, paguei o preço e dormi  a noite toda.
Ao acordar, tomei aquele banho, arrumei as malas, me despedi do caos de Nova Deli e parti rumo à Portugal.

deli-3

indira-gandhideli-4 deli-2 deli-1

COMO COMPRAR RÚPIAS

Antes de viajar, vi o quão difícil foi encontrar Rúpias no Brasil, cheguei a pesquisar em várias cidades, na internet e não encontrei nenhuma casa de câmbio que fazia a troca.
Como eu ia pela Europa, a melhor forma foi trocar Reais por Euros, lá era bem fácil encontrar Rúpias do que no Brasil.
Ao chegar em Lisboa, fui fazer a troca e para minha surpresa, tive que sair à caça e consegui trocar em 3 casas de câmbio ,todas ao redor do Rossio e da Praça da Figueira, segundo eles, a moeda é de difícil comercialização e as casas de câmbio trabalham com pouca quantidade mas, problema resolvido.
Eu poderia levar o Travel Money (veja com seu banco ou agências de câmbio) mas, não gosto muito, prefiro ter dinheiro na mão. Se um sistema sai do ar ou se você quiser brigar no preço, com dinheiro fica mais fácil.
Algumas pessoas me disseram para levar dólares mas, ao chegar lá, percebi que os Indianos tiram proveito e cobram bem mais se pagarmos, com outra moeda sem ser a Rúpia e não é todo estabelecimento que aceita.
Outra opção é sacar dinheiro nos ATMs, você paga R$17,00 por saque, eu preferi não correr riscos, já que a Índia é um país pobre e você não encontra ATMs em qualquer esquina.
A minha dica é se planejar para não ter surpresas, leve Rúpias.
Ao desembarcar  você vai precisar delas para pagar  o táxi ou comprar uma água.

travel]rupia-indiana-da-moeda-19397290 rupia-indiana-17308989 nota-indiana-da-rupia-da-moeda-mil-14137119

BOLLYWOOD – MUMBAI

Enfim, chegamos ao SJ Studios, pensei comigo, Senhor que lugar feio, mas é daqui que saem cerca de 1100 produções de filmes todos os anos.
O termo ” Bollywood ” surgiu nos anos 70 quando a Índia superou os Estados Unidos em número de filmes produzidos anualmente.
Os filmes feitos aqui, em sua maioria, são dramas musicais, histórias impossíveis de amor e tudo com um final feliz.
Um filme Indiano, não é filme, se faltar os números musicais no estilo da Broadway e muitos mas, muitos efeitos especiais.
Por dentro, a estrutura não é lá aquelas coisas, os atores trabalham das 7h às 22h e fazem produções de todos os genêros.
Cara! Eles ralam muitooooo!!! Fiquei até com pena ao conversar com as meninas que gravavam para a novela das 20h.
O passeio é legal mas, não vale R$650,00.
Um guia te acompanha explicando tudo! No final, você assisti um vídeo explicando como são criados os efeitos especiais.
Espero que tenham gostado, no próximo post vamos falar um pouco sobre a moeda Indiana e como conseguí-las caso você for viajar para lá!

bollywood-studios-3bollywood-studiosbollywood-studios-2bollywood-studios-1 bollywood-studios-2 bollywood-studios-4 bollywood-studios-5 ??????????????????????????????? bollywood-studios-7 bollywood-studios-8 bollywood-studios-9 bollywood-studios-10 bollywood-studios-11 bollywood-studios-12 bollywood-studios-13 bollywood-studios-14 bollywood-studios-15 bollywood-studios-16 bollywood-studios-17 bollywood-studios-18 bollywood-studios-19 bollywood-studios-20 bollywood-studios-21

SE FERRANDO EM MUMBAI

Ao deixar as malas no hotel, fechei um tour no próprio saguão para conhecer os estúdios de Bollywood. Foi um dos pacotes mais caros que eu já havia pago na vida, em torno de R$650,00.
Saí do hotel por volta das 14h e no itinerário estava incluso:
-Passeio pela orla de Mumbai
-Conhecer a estrutura dos estúdios de Bollywood
-Assistir as gravações das novelas

O que não estava incluso no pacote era :
-Ficar presa no trânsito por 5 horas (saindo as 14hs, chegaria as 20hs )
-Um guia que só sabia falar ”Famous” em inglês.
-Que isso era uma armadilha para tirar dinheiro de gringos troxas, como eu ! Bingo!

Fiquei tão estressada mas, tão estressada que acabei ligando várias vezes para o hotel, louca da vida e o pior é que ninguém pagou a minha conta quando chegou!
Jamais use seu celular na Índia. Só uma ligação de 8 minutos me custou R$182,00. Eu quase enfartei!
No post de hoje, só vou mostrar o stress vivido até eu chegar nos Estúdios. Amanhã vou contar um pouco do que acontece dentro de Bollywood, a maior produtora de vídeos do mundo!

o-que-fazer-em-mumbaio-que-fazer-em-mumbai-1 o-que-fazer-em-mumbai-2 o-que-fazer-em-mumbai-3 o-que-fazer-em-mumbai-4mumbai traffic copyj-c-estudios-mumbai